Olympic Impact encerra festival carioca

Potro do Haras Regina venceu o Clássico Barão e Baronesa Von Leithner (L).

18 de março de 2019

Derradeiro embate black type deste domingo (17), no Jockey Club Brasileiro, o Clássico Barão e Baronesa Von Leithner (L), em 1.600m na pista de grama (pesada), para produtos de 3 e mais anos, revelou a vitória de Olympic Impact, 3 anos, filho de Redattore e Our Charm (Spend A Buck), de criação e propriedade do Haras Regina.

Kusko Cat (Pounced) e Tiro Ao Alvo (Roderic O’Connor) deixaram o partidor sob forte ritmo, tendo Kusko Cat, depois de alguma indefinição, firmado-se em primeiro. Olympic Impact vigiava a dupla, em terceiro, correndo Memory of Love (Shanghai Bobby) em quarto. Numba Juan (Wild Event) acionava na quinta posição. Depois apareciam Céu de Brigadeiro (Out of Control) e Itapeba (Crafty C.T.).

No ingresso á reta final, Memory of Love e Olympic Impact já se encontravam nas pegadas de Tiro Ao Alvo, com Kusko Cat, batido, sobrando. Tiro Ao Alvo resistiu na ponta até a seta dos 400 finais, quando deu vez, então, a uma tripla disputa travada entre Céu de Brigadeiro, Memory of Love e Olympic Impact. Um bocado atrás, Numba Juan iniciava sua atropelada.

No rigor de Waldomiro Blandi, Olympic Impact assumiu a ponta, nos últimos 250 metros, passando a se defender, com sucesso, dos ataques de Céu de Brigadeiro e Memory of Love. Este formou a dupla a 1 corpo, finalizando Céu de Brigadeiro (1 e ¼) em terceiro. Numba Juan (1 e ¼) foi o quarto, com Itapeba (3 e ¾) encerrando o marcador. Depois, Tiro Ao Alvo e Kusko Cat. Não correu: Set Ton.

Recebendo treinamento de Roberto Solanés, Olympic Impact obteve a quarta vitória em 9 saídas. Ganhador do GP Sandpit (gr.III), registrou tempo de 1:37.30.

 
Redação ABCPCC
Capa: Olympic Impact derrotou os mais velhos.
Imagem: Sylvio Rondinelli/Divulgação JCB

 

Histórico